domingo, 14 de dezembro de 2008

Oração do Triatleta






Quebrado estou, onde está o gel
Esbugalhado é sempre o nosso nome
Vem a nós sempre muito treino
Exaustão sem dó nem piedade
Tanto na água quanto no chão
A bike nossa de cada dia, estrada forte hoje
Tiro de 100 de natação sem desistência
Sprint final de corrida mesmo contundido
Faça as pessoas entenderem esta dedicação
Pois não temos vida social
Amém