terça-feira, 27 de março de 2012

Resultado da Enquete - Suplementos




Olá a todos, 


Segue aqui o resultado da enquete suplementos.
Foram 82 participantes anônimos. Levando em consideração quem acompanha meu blog, o público era composto de triatletas, atletas de corrida, natação e ciclismo e frequentadores de academia em geral.

Além das respostas de multiplas escolhas que eu inseri na enquete, no campo "outros" obtive também as respostas:
- Cq10
- Amifor
- Triflex
- Creatina

Lembrando que não eram escolhas excludentes, isto é, a mesma pessoa poderia votar em várias possibilidades, o que de fato representa a realidade de atletas que tomam suplementos. Dificilmente encontramos atletas que tomam apenas um tipo.

Acredito que cada um pode ter sua análise pessoal dessa pequena enquete. Eu vou colocar as minhas opiniões.

- Fiquei surpreso que a resposta Ribose tenha ganhado da Dextrose como fonte de carboidratos. Eu até hoje não li nenhum estudo conclusivo de que a Ribose é realmente melhor ao repor o glicogênio muscular do que Dextrose. Ela foi emplacada como um carboidrato milagroso e é bem mais cara, mas gostaria de saber se ela realmente tem um diferencial. Aos que responderam "Ribose", se puderem dar o seu relato ou apresentar algum estudo, agradeço. Tenho curiosidade nisso.

- Fiquei espantado com a quantidade de pessoas que responderam "Whey Protein". Tanto o isolado quanto hidrolisado. Eu sinceramente acreditava que ia ser um número MUITO maior. Tudo bem que Whey Protein está contido nos "Recovery Drinks" como R4 Endurox e esta parcela de público que não respondeu que toma Whey, pode tomar um Recovery Drink, mas ainda assim, fiquei surpreso dada febre que gira em torno do Whey. Talvez se somarmos a quantidade de respostas dos dois Wheys mais o Recovery Drink, tenhamos quase a totalidade das pessoas que responderam a enquete, mas isso não tenho como saber. A pergunta que não quer calar, portanto: Quem respondeu que toma whey ou recovery drink faz cálculos diários de ingestão proteica ou simplesmente os tomam? Acho que os atletas poderiam descobrir muitas coisas com estes cálculos.

- Apesar do alto número de respostas para "Gels", já era de se esperar. Um dia vou criar uma marca de gel e ficar rico rsrsrsr, mas achei bem interessante e expressivo o número de respostas para "Outras formas de carbo (mel, rapadura, doces, etc)"

- Quanto aos "Termogênicos", espero que tenham sido respondidos por frequentadores de academia, não atletas competitivos.... Não quero ter amigos enfartando rsrsrs. Acho difícil, mas quem respondeu "Termogênico" está com acompanhamento nutricional ou com acompanhamento do "professor da musculação"?

- Outra marca que vou criar é a de BCAAs. Já li estudos que demonstram a eficácia desses aminoácidos na recuperação pós-prova e até mesmo no desempenho durante prova, mas, da mesma forma, já vi estudos que o comparam com um placebo. O mais científico que eu li era que os BCAAs concorriam com o Triptofano ao entrar nas membranas celulares cerebrais, inibindo a produção de serotonina, que nos causa letargia e uma série de efeitos relacionados à fadiga no SNC (sistema nervoso central). Mesmo sem nada de tão conclusivo, provavelmente o suplemento mais controverso de todos, ele tem um índice altíssimo de aceitação. Eu me incluo aqui. O problema do BCAA é que não sentimos seus efeitos de melhora se deixarmos de tomá-lo ou começarmos a tomá-los por poucos dias. Teríamos que fazer uma experiência em toda uma temporada e acho que ninguém está muito a fim de arriscar, já que o custo do BCAA não é tão alto assim e ninguém quer ficar sem se recuperar. Mas muitos mitos ainda giram em torno dele.

- Ninguém respondeu Jack3D???? Galera, eu juro, era anônimo!!! rsrsrsrrsrsrs

- Achei impressionante a quantidade de pessoas que responderam Ômega 3. Não tinha essa noção. Acredito que este é um suplemento bacaníssimo de se tomar, mas, precisa ficar ligado nas proporções de ácido eicosapentaenóico (EPA) e o ácido docosahexaenóico (DHA). Está cheio de ômega 3 placebo no mercado.

- O número de pessoas que tomam Glutamina é bem alto também. Particularmente sou fã desse suplemento porque ele não atua apenas na recuperação muscular, mas no sistema imunológico. Isso é absurdamente importante para pessoas que treinam muito. Não esquecer, no entanto, que wheys bons e recovery drinks possuem boas doses de Glutamina. A não ser que seja um whey meia boca.

- Já esperava um baixo número de pessoas que tomam Ornitargin. Este cara é um poliaminoácido que vende em farmácia que fazem uma função excelente: transformam metabólitos tóxicos que produzimos em atividades físicas longas (como amônia) em outros produtos menos tóxicos e arginina. Trocando em miúdos, ele é um recuperador animal. Eu particularmente utilizo em meus treinos mais longos, principalmente em semanas que sinto que precisarei sustentar um certo ritmo. Aparentemente ele não tem contra-indicação. Foi muito utilizado pelos ciclistas das antigas pelo que eu sei. Particularmente sinto muito mais diferença em tomar Ornitargin que BCAA, mas realmente não gosto de exagerar.

- O número de pessoas que tomam Beta-alanina é razoável, não? Certa vez tomei esse suplemento e minhas performances em treino aumentaram absurdo. Simplesmente não senti que aquilo era algo natural. Tudo que sentimos melhora muito rápida, eu desconfio. Parei de tomar. Mas aí é muito de cada um. Não o tomaria, no entanto, sem o acompanhamento de um nutricionista.

- Quanto aos complexos vitamínicos, principalmente os manipulados, achei que poucas pessoas responderam que tomavam. Esportes de competição, principalmente os de ultra endurance, sem tomar complexos vitamínicos, acho bem complicado, por melhor que seja a alimentação do atleta. Por outro lado, os complexos vitamínicos "de mercado" são muito fraquinhos e não sei se compensa investir nisso. Na alimentação é fácil segurar. Agora, os manipulados por nutricionistas e o Megaman Sport, acredito que seja impossível conseguirmos aquelas proporções em alimentação.

Agradeço a todos pelas respostas.

Aproveito para lançar uma outra enquete, especificamente para triatletas. Refere-se aos seus recordes pessoais nas respectivas provas de distâncias famigeradas de triathlon. A idéia dessa enquete é tentar traçar um paralelo entre resultados de provas curtas e longas. Acho que temos bastante a aprender com isso, não?

Segue o link da enquete!

Ulisses

Um comentário:

  1. Valeu Ulisses, bela análise.
    Eu não sou um atleta de muitas provas e nem de provas longas. Fiz 5 meias e 2 shorts.
    Já usei BCAA pq disseram que fazia bem, já usei malto porque diziam que era fundamental, já usei proteinato de cálcio pq achei legal e hj não uso nada, nem gel nos treinos.
    Ah, já usei Glicodry e desse eu sinto falta. Usava após os longos de corrida e estava recuperado em pouco tempo. Sem ele, sofri e sofro para acertar a alimentação, já tentei pão com ovo e mais um monte de coisas. Já me acertei com paçoca, enfim, é uma busca que curto, mas o Glicodry facilita pra caceta, pqp.
    Ontem, passei por ele na farmácia e o diabinho ou anjinho falou: santo remédio esse, heim?

    ABS !!!
    Parabens pela enquente e pela análise.
    O Macca fala do papel dos fisios na sua melhora como atleta e tb tenho uma amiga que perdeu a sua filha com um cancer fulminante. Ela suplementava muito e sabe qual foi a fonte dela nos estudos? Site de fisio. Ela é médica e tem uma leitura melhor do que a nossa, mas veja que foi lá beber um pouco. Interessante !

    aBS

    ResponderExcluir